Centrais de atendimento

Brasília (61) 3442-8217
(61) 3711-4455
Goiânia (62) 3281-1888
(62) 99637-1888
Menu

Queda de cabelo x calvície

11 de agosto | 15:20

A ocorrência da calvície e da queda de cabelos é bastante expressiva em homens, mas também são visíveis em mulheres, dadas as devidas proporções. A queda e o afinamento dos fios se torna um pesadelo para ambos os sexos, porém os homens parecem lidar melhor com o assunto, já que isto não afeta tanto sua autoestima quanto no caso feminino. No texto abaixo, apresentamos  as diferenças entre a queda de cabelo x calvície.

Para entender melhor esse assunto, é necessário diferenciar a calvície da queda de cabelo:

A calvície, ou alopecia androgenética, está associada à di-hidrotestosterona, uma parte do hormônio masculino que ataca as raízes foliculares. Tal ação causa, primeiramente, o afinamento dos fios e até mesmo o clareamento dos mesmos.

            Dessa forma, é perceptível que a calvície está associada à uma causa natural e gradativa: os fios vão afinando ao redor de toda a cabeça, podendo acontecer mais rapidamente em algumas áreas. Com isso, os fios caem e não voltam a crescer, pois a raiz dos fios está “morta”.

            Alguns medicamentos, como a finasterida, têm sido utilizados para o tratamento da calvície.

            Outra forma de tratar a alopecia é o transplante capilar, que repõe as raízes deterioradas, transplantando fios novos.

Já a queda de cabelo está associada ao rompimento do fio no bulbo capilar. Pode-se observar que os fios caem longos e inteiros, enquanto na calvície eles são pequenos e finos. A causa, neste caso, é mais extensa: pode ser deficiência hormonal, vitamínica ou ainda consequência de hábitos como o tratamento com produtos químicos para cabelos, como escovas progressivas e tinturas, além do estresse.

A reposição de substâncias como a vitamina A, B12 e K pode ajudar no combate a esse problema, pois elas auxiliam no fortalecimento do bulbo capilar e permitem que, mesmo que o fio caia, o corpo tenha condições de repor o mesmo, pois a raiz não está danificada.

Por razões hormonais, a calvície ocorre, em sua maioria, em homens, devido à taxa de testosterona bem mais expressiva em comparação às mulheres. Além disso, hormônios femininos contribuem para o combate à calvície.

            Contudo, casos de calvície feminina não são raros: cerca de 25% das mulheres com mais de 30 anos podem ficar calvas.  A diferença é que a alopecia acontece em áreas específicas do couro cabeludo, ao contrário do caso dos homens, em que se percebe que a cabeça é afetada como um todo.

Saiba mais sobre a calvície feminina.

            Convém ressaltar que os tratamentos para cada tipo de calvície, bem como para a queda de cabelo, são determinados por profissionais especializados, que indicarão a melhor maneira de cuidar do problema e também aumentar a autoestima.

            Se você deseja mais informações sobre calvície e queda de cabelo, entre em contato. Temos consultórios em Goiânia e Brasília e também disponibilizamos a avaliação online. 

TOP